O Que É Plafon? Como Escolher, Modelos, Guia Completo

Você sabe o que é plafon? Tem ideia de qual a real finalidade deste item para a sua casa? Conhece os modelos e as possibilidades deste produto? Se a sua resposta for não para qualquer um destes questionamentos, então você precisa acompanhar o nosso artigo de hoje. Nele iremos lhe ensinar tudo o que você precisa saber sobre plafon, para assim deixar a sua casa ainda mais bonita e iluminada.

Portanto, te convidamos a seguir em nosso guia completo para que você descubra o que é, quais os tipos, modelos e formas de iluminação que um bom plafon pode proporcionar para você. A partir disso, será muito mais fácil escolher a melhor alternativa para o seu lar. Acompanhe:

 

(Foto: Pinterest)

 

O que é plafon?

Em linhas gerais, o plafon nada mais é do que um tipo de luminária mais sofisticada, que pode ser utilizado como luz principal ou apenas complementos para qualquer ambiente da sua casa. Afinal, sabemos o quanto a boa iluminação de qualquer ambiente é responsável por deixar o espaço mais bonito, clean e organizado, certo?

Pois bem, o plafon tem exatamente este objetivo: distribuir a iluminação de modo mais consistente e satisfatório, trazendo ótimos resultados estéticos para qualquer cômodo. Mas, além disso, é o plafon quem deixará o ambiente com um conforto visual mais evidente, uma vez que a luz será muito melhor distribuída com o seu auxílio.

Tipos de plafon

Existem diversos tipos de plafons no mercado, isso é claro. Porém, podemos, inicialmente, dividi-los em duas grandes categorias: a de sobrepor e embutir. Veja mais detalhes sobre cada uma delas a seguir:

De sobrepor

Como o próprio nome já diz, o plafon de sobrepor nada mais é do que uma luminária de fácil instalação, em que você pode “pendurar” em qualquer ambiente, sem grandes complicações. Você estará colocando o produto sobre a parede, o teto, ou qualquer outra parte que você queira iluminar em sua casa.

Assim você terá um resultado satisfatório sem ter que fazer grandes planejamentos de estrutura. Mantendo a praticidade e a beleza de uma casa bem iluminada de modo prático.

 

(Foto: Pinterest)

 

De embutir

Agora que você já sabe o que é plafon, deve estar se perguntando quanto ao modelo de embutir, certo? Pois bem, este modelo pode requerer um pouco mais de planejamento e organização da sua parte. Afinal, ele será acoplado no gesso da sua parede ou teto, e precisará ser bem pensado para que o resultado final seja realmente satisfatório.

Em contrapartida, mesmo que a opção de embutir requeira um pouco mais de organização e planejamento, ela certamente trará um resultado ainda mais bonito e sofisticado. Uma vez que o plafon estará realmente fazendo parte da sua decoração, e com isso o equilíbrio estético de qualquer ambiente será bem evidente. Desse modo, nada como um planejamento para deixar a sua casa ainda mais elegante com uma iluminação impecável.

Tipos de luzes

Além de considerar o que é plafon e quais são os dois tipos de instalações, precisamos também pensar nos tipos de luzes que ambos os modelos proporcionam. Afinal, quando pensamos em um acabamento com iluminação para a nossa casa, automaticamente precisamos pensar nos tipos de iluminação, certo?

Pois engana-se quem pensa que basta incluir uma lâmpada aqui e outra ali para ter uma boa iluminação em algum ambiente. Não mesmo! Precisamos pensar minuciosamente em como faremos a distribuição dessa luz e, para isso, nada melhor do que recorrer aos tipos de plafons para atingir o resultado que almejamos. Desse modo, conheça os modelos:

Luz difusa

A luz difusa é uma das opções mais utilizadas para quem quer deixar o ambiente sofisticado e com uma iluminação mais uniforme. Uma vez que esta opção irá, digamos, manter o ambiente com uma iluminação mais leve, que engrandece os detalhes mais sutis da sua decoração. Sem, de forma alguma, pesar o ambiente ou pesar sobre qualquer detalhe.

O plafon com luz difusa traz uma leveza para qualquer cômodo, além de enaltecer o conforto visual e o aconchego. Não haverá a menor possibilidade do seu ambiente não ficar super confortável e convidativo.

 

(Foto: Pinterest)

 

Luz direta

A luz direta, por sua vez, como o seu próprio nome já diz ela é feita para ser redirecionada a um ambiente ou peça em questão. Por exemplo, aquelas luminárias que utilizamos sobre a mesa da cozinha ou da sala de estar, por exemplo.

Essa luz é perfeita para quem quer trazer conforto visual para uma leitura, por exemplo, mesmo quando todo o resto da iluminação do ambiente esteja desligado. Assim você garante que pequenos pontos de um ambiente e da sua casa em geral sejam iluminados quando você bem entender. Sem que, necessariamente, precise investir em uma iluminação ampla em um cômodo para acomodar seus amigos, familiares e a si mesmo.

 

(Foto: Pinterest)

 

Luz indireta

A luz indireta, portanto, pode garantir um resultado parecido com a luz difusa, mas de modo menos uniforme. Acontece que ela terá um ponto em questão onde irá iluminar, mas a sua luz se dissipa um pouco mais que a da luz direta.

Assim você mantém uma luminosidade mais suave, para qualquer ambiente, gerando conforto para quem estiver no seu lar. Aposte nesta possibilidade para pontos chaves em sua sala, por exemplo, e arrase com uma decoração impecável.

 

(Foto: Pinterest)

 

Modelos de plafon

Agora que você já sabe o que é plafon e já conheceu as suas principais características, é hora de conhecer alguns modelos para te inspirar. Abaixo iremos separar em categorias ambplas para te ajudar a escolher aquela opção que mais encaixará com a dinâmica do seu lar. Acompanhe:

Plafon quadrado

O plafon do tipo quadrado é, certamente, um dos modelos mais utilizados nos lares brasileiros. Isso porque a sua estrutura nos dá respaldo para acoplá-lo em diversos tipos de decoração. Desde as modernas até aquelas mais estruturadas e certinhas, com linhas retas, por exemplo.

Portanto, essa opção é perfeita para quem prefere um ambiente mais sério e limpo, uma vez que as linhas retas proporcionam sofisticação e organização para qualquer complemento decorativo.

 

(Foto: Pinterest)

 

Plafon redondo

O plafon do tipo redondo traz consigo um ar mais elegante, sem cantinhos e traços que possam deixar as características do ambiente em questão mais demarcadas. Perfeito para aquelas decoração mais sinuosas e que também apresentem uma ideia mais clean de modo geral.

Afinal, sabemos que de maneira ampla o plafon por si só deixa o ambiente mais clean e bonito, independente do seu formato de fato. Mas, se você quer trazer um ar mais profissional para algum ambiente, como para o seu escritório em casa, experimente utilizar o plafon redondo para ter ótimos resultados.

 

(Foto: Pinterest)

 

Plafon retangular

O plafon retangular não difere muito das características do quadrado. As suas linhas retas são responsáveis por deixar o ambiente sério e com uma decoração uniforme ao mesmo tempo. Aposte nesta possibilidade para iluminar a sua sala, pois o formato retangular garante uma maior “dissipação” da iluminação em si.

 

(Foto: Pinterest)

 

Plafon com cristal

A opção de plafon com cristal é para quem prefere um ambiente mais sofisticado e com um toque decorativo mais, digamos, do estilo “castelo”. Uma vez que os cristais presentes no seu plafon trarão essa sensação de riqueza e sofisticação incrível. As peças podem variar, desde detalhes pequenos, até aquelas opções que sobrecarregam um ambiente com um toque de glamour e muito brilho.

Portanto, se você tem uma sala imensa, onde a altura do forro é bem considerável, não hesite em utilizar estas opções! Certamente você causará um impacto muito bonito em qualquer um que se deparar com a sua decoração.

 

(Foto: Pinterest)

 

Plafon decorado

Por fim, para quem quer algo mais pessoal e que realmente “case” com o restante da decoração, nada melhor do que escolher uma peça com detalhes decorativos. Por exemplo, um plafon com borboletas. Assim, você pode complementar aquela decoração de jardim em um quarto com toque feminino, por exemplo.

Além de, obviamente, poder encontrar outras possibilidades que tragam resultados incríveis de acordo com o seu planejamento específico para qualquer ambiente.

 

(Foto: Pinterest)

 

Como escolher

Pois bem, agora você já sabe o que é plafon, bem como conheceu todas as características importantes e possíveis modelos, certo? Mas, e agora? Como escolher a melhor opção para o seu lar? Bem, fique tranquilo! Nós separamos algumas dicas para te ajudar nesta jornada. Veja a seguir:

O tipo de iluminação

O primeiro passo é certamente escolher o tipo de decoração que você deseja para o ambiente em questão. E, para isso, você precisa compreender a real função de cada pedacinho da sua casa. Sabe como? Planejando como você usufrui dos ambientes que tem disponível em seu lar.

Por exemplo, no caso do quarto: você precisa de uma iluminação que, de modo geral, lhe traga um conforto e leveza. Para isso, a luz difusa é a mais indicada. Mas, na cabeceira de sua cama, talvez você precise de um toque mais suave, em momentos específicos. Aqui um plafon com luz indireta pode trazer uma iluminação mais suave e confortável. Por fim, quando você quiser ler, estudar ou escrever em sua escrivaninha, enquanto o seu parceiro(a) dorme, qual a melhor opção? A luz direta.

Ou seja, para escolher cada modelo essencial para a sua casa, você necessariamente precisará investir em uma opção que traga subsídios para todos os objetivos dos ambientes em questão. Assim você garante que ilumina e utiliza cada centímetro do seu lar da melhor forma possível. Aposte!

 

(Foto: Pinterest)

 

O tipo de peça

O segundo passo é pensar no tipo de peça em si. E isso significa o tamanho e o formato do seu plafon. Para isso, portanto, siga as nossas dicas:

  • Tamanho: O tamanho precisa necessariamente seguir a organização e o tamanho do ambiente. Ainda no exemplo do quarto, se o seu for muito grande, um plafon maior para a difusão da luz precisa fazer parte do seu planejamento. A luz indireta, no caso de um quarto, pode requerer um tamanho médio ou pequeno, dependendo das suas necessidades. Por fim, a luz direta pode ser pequena, já que será bem direcionada a sua escrivaninha.
  • Formato: O formato pode variar de duas formas: de acordo com a decoração e com a finalidade da iluminação. Portanto, no caso da decoração, ela deve ser sempre considerada depois da finalidade da iluminação. Por exemplo, no caso do quarto, a sua mesa pode requerer um plafon pequeno, e por isso, um redondo ou quadrado podem ser a melhor opção. O formato deverá apenas levar em conta a decoração do quarto. Depois, o retangular deve ser usado no teto, para uma melhor distribuição. A não ser que o seu quarto seja muito, digamos, sinuoso, e você deva investir em um plafon redondo.

O seu gosto pessoal

Por fim, ao considerar todas as possibilidades de tipo de luz, formato e tamanho, você também precisa considerar, obviamente, o seu gosto pessoal. Assim você garante que o resultado realmente irá agradar aos seus olhos e trará subsídios para uma decoração e iluminação do jeitinho que você sempre quis, e muito confortável, obviamente.

Agora é com você!

Agora que você já aprendeu o que é plafon e tudo o que mais você precisava saber sobre esta peça, é hora de colocar a mão na massa e preparar aquele ambiente incrível. Certamente agora você já terá respaldo suficiente para garantir o resultado perfeito em seu lar. Depois é só contar para gente os resultados que você obteve!

Add Comment