Jardim de Inverno – O Que É, Benefícios e Como Fazer

Certamente você já deve ter ouvido falar no tal do jardim de inverno, não é mesmo? Pois bem, você sabe como montar este jardim em sua casa? Conhece os benefícios? Sabe como decorá-lo? Se sua resposta for não para qualquer um destes questionamentos, então lhe convidamos a seguir em nosso artigo de hoje.

Nele te ensinaremos tudo o que você precisa saber para montar aquele jardim perfeito dentro da sua casa. E, dessa forma, desfrutar dos benefícios e das vantagens de investir nesta possibilidade para o seu lar.

Portanto, acompanhe a seguir todas estas informações e transforme aquele cantinho da sua sala que possa estar um pouco esquecido. Trazendo vida e bem estar para dentro do seu lar.

 

(Foto: Pinterest)

 

O que é jardim de inverno?

Antes de qualquer coisa, vamos esclarecer para você do que se trata o tal jardim de inverno, não é mesmo? Pois bem, este tipo de jardim nada mais é do que um pedacinho da natureza, dentro da nossa casa. A partir da composição de plantas e flores que sobrevivam apenas na sombra, proporcionando beleza e conforto para o seu lar.

É basicamente construir um pequeno jardim, como os que vemos na frente das casas, mas dentro do lar. Afinal, você estará cultivando plantas que vivem exclusivamente na sombra e em ambientes onde não há sol. É por isso que este tipo de jardim é chamado de inverno, pois plantas que vivem no inverno e na sombra se adaptam super bem ao conceito.

Como planejar o jardim de inverno?

Antes de se aventurar na montagem de um jardim dentro da sua casa, é claro que você precisa considerar um bom planejamento, não é? Pois apenas assim você garantirá que o resultado será exatamente aquele que você esperava. Desse modo, existem alguns pontos que precisam ser considerados para que o resultado seja pleno. Veja, portanto, a seguir, como elaborar o projeto do seu jardim:

Espaço

Primeiramente, você precisará pensar no espaço do seu jardim. E isso equivale tanto ao tamanho, em si, quanto ao cômodo que você pretende colocar o seu jardim. Afinal, nada impede que outros ambientes também recebam um pouquinho de verde, além da sua sala, ok?

Portanto, meça exatamente o tamanho que está disponível em sua casa para a construção do seu espaço verde. Apenas assim você poderá partir para os outros passos do seu planejamento. Afinal, assim você poderá já ter em mente quanto material irá comprar mais tarde.

 

(Foto: Pinterest)

 

Investimento

O segundo passo é pensar no investimento que você pretende fazer no seu jardim de inverno. Por exemplo, você pode até ter um bom espaço sobrando para criar o seu cantinho verde dentro de casa. Porém, o espaço grande poderia lhe custar caro, tanto na construção, quanto na manutenção do jardim. Portanto, o investimento precisa ser a sua régua de medida máxima para o tamanho e o objetivo do seu canto verde.

Ambiente

Feito isso, é preciso que você observe bem o ambiente em questão. Por exemplo, se você quer colocar o seu jardim na sua sala, uma vez que ela conta com bastante espaço para tal, é necessário encontrar o melhor canto do ambiente. Afinal, não adianta investir em um espaço que pega sol o dia inteiro, pela janela, não é?

Portanto, observe o melhor cantinho do ambiente para, a partir disso, poder elaborar a melhor decoração possível para o seu jardim.

Manutenção

Por fim, a manutenção também precisa ser levada em conta. Além de escolher o tamanho, o local e o investimento, você precisa pensar na manutenção. Ou seja, precisa considerar o tempo de dedicação para deixar o cantinho sempre impecável. Este será mais um fator a ser considerado na hora de pensar no tamanho do seu jardim interno.

 

(Foto: Pinterest)

 

Quais materiais são necessários?

Agora que você já sabe onde será, qual tamanho terá e qual ângulo será utilizado para elaborar o seu jardim, é hora de pensar nas peças e nos materiais que irão compor o mesmo. Porém, vale salientarmos que a melhor alternativa seria você conversar com o seu arquiteto de segurança, ou então, com um pedreiro, para que o mesmo lhe aponte tudo o que você precisa para deixar o seu jardim impecável.

Tijolinhos e revestimento

Você precisará montar um, digamos, “murinho” para separar o seu jardim das demais partes da sua casa. Desse modo, precisará de tijolos e revestimentos como cimento, reboco, etc, para deixar tudo organizado. Além disso, poderá optar por portas de correr de vidro, para uma separação mais demarcada de um ambiente com relação ao restante do cômodo. Porém, voltamos a dizer que para esta etapa a melhor alternativa é buscar auxílio profissional.

Barro/ Terra

Com o cantinho pré-preparado, é hora de começar a montar o jardim em si. Para isso, portanto, você precisará adquirir o barro necessário para dar vida às suas plantinhas. Para escolher a melhor opção, portanto, não hesite em conversar com um profissional paisagista ou vá até uma floricultura questionar sobre o melhor barro para o seu jardim.

Lembrando que esta pode ser uma parte do projeto que irá requerer um valor considerável de investimento, dependendo do tipo de barro que você pretende comprar para as suas plantinhas. Mas, vale destacarmos que um investimento alto no começo garante uma economia no futuro.

Pois lembre-se do ditado: “o barato sai caro”. Comprar um barro muito simples, sem nutrição suficiente para as suas plantinhas, pode requerer uma troca mais constante, desde barro até das plantinhas em si. E, em longo prazo, você gastaria a mesma quantia – e ainda teria mais trabalho!

 

(Foto: Pinterest)

 

Grama e plantas

Depois que toda a terra já está preparadinha para receber as suas plantinhas, é hora de escolher as melhores opções de gramas e plantas. Afinal, não é qualquer tipo de verde que irá “vingar” em sua terra, ok? Precisa ser aquelas alternativas que realmente sobrevivem sem a luz do sol, por exemplo. Apenas assim você garantirá o sucesso e o desenvolvimento saudável do seu jardim.

Flores

Do mesmo modo que ocorre com a grama e com as folhagens, ocorrerá com as flores. É preciso pesquisar a fundo para descobrir se a espécie que você deseja ter dentro de casa realmente cresce e se desenvolve de modo saudável na sombra. Caso contrário, você estará jogando tempo e dedicação fora! Além de todo o investimento ao adquirir determinada espécie de planta/flor.

Enfeites no geral

Por fim, é chegado o momento de escolher os enfeites de jardim que você irá colocar no seu cantinho verde dentro de casa. Porém, cuidado com os exageros! Existem diversas peças no mercado, mas nem todas combinam com um jardim dentro de casa. Portanto, invista em enfeites mais simples e cleans, que trarão leveza e conforto visual ao seu lar.

Além disso, não se esqueça de pensar na composição de todo o cômodo. Afinal, as decorações não podem pesar e muito menos “brigar” entre si, pois o resultado poderia ser desgastante e com um comprometimento estético grande.

E lembre-se de uma peça decorativa que fica linda tanto em jardim interno, quanto externo: as pedrinhas brancas. Elas dão um charme a mais para a sua decoração, deixando o seu cantinho verde ainda mais bonito. Aposte!

 

(Foto: Pinterest)

 

Por que montar um jardim de inverno?

Agora que você já aprendeu tudo sobre jardim de inverno, deve estar se questionando sobre a real importância de construir este ambiente dentro de sua casa. Porém, saiba que este tipo de cantinho pode trazer muitos benefícios para você e sua família! Acompanhe a seguir as vantagens de se ter um jardim pequeno dentro de casa:

Ar sempre puro

Quem é que não gosta de chegar em casa, depois de um longo dia, e descansar em um ambiente agradável e com ar puro, não é? Pois bem! É exatamente isso que o jardim de inverno proporciona para você. Uma ambiente sempre com um ar mais puro e leve, sem contar que o cheirinho das flores pode ser ainda mais aconchegante.

Renova a energia

Há quem diga que diversos tipos de plantas são capazes de não só renovar o ar, como renovar também a energia no ambiente. Deixando-o mais leve, tranquilizante e confortável. Se você gosta deste tipo de efeito, certamente irá se apaixonar por um jardim dentro da sua casa.

 

(Foto: Pinterest)

 

Contato com a natureza

Por fim, outro fator que torna um jardim dentro de casa uma boa pedida: o contato com a natureza. Pode parecer um pouco óbvio, mas esse fator é ainda mais válido no caso de pessoas que moram em cidade grande. Pois a correria do dia a dia faz com que não percebamos o quão importante é este contato, e o quanto ele pode fazer bem para nós. Portanto, invista nesta possibilidade e sinta este benefício no seu dia a dia.

Agora é com você!

Agora que você já aprendeu tudo que precisava acerca do jardim de inverno, é hora de pôr a mão na massa e planejar o novo cantinho em seu lar. Seguindo as nossas dicas, você certamente terá um resultado esplêndido! Só não se esqueça de deixar um comentário nos contanto a sua experiência, ok? Aguardamos o seu contato! Boa construção para você.

Add Comment