Índice SINAPI: O que é, como usar?

O orçamento é uma das partes mais importantes da obra, devendo ser feito antes mesmo de iniciada a reforma ou construção. E para buscar informações que ajudem a elaborar um orçamento completo, bem detalhado e sem erros, muitos profissionais da construção civil utilizam o Índice Sinapi.

Índice Sinapi

Índice SINAPI: O que é, como usar? (Foto: Pixabay)

Mas o que é o Índice Sinapi? Trata-se de um sistema que estabelece regras e critérios para elaboração do orçamento de referência para obras e serviços de engenharia, trazendo dados importantes para ajudar na criação de parâmetros de custos para todas as etapas produtivas.

O Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (Sinapi) é gerido pela Caixa Econômica Federal, em parceria com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), entidades responsáveis por atualizar as informações contidas na tabela.

Como funciona o Índice SINAPI

Para a elaboração da tabela Sinapi, são utilizados os dados coletados por profissionais do IBGE na famosa pesquisa mensal de preços realizada pelo órgão, em todo o país, abrangendo equipamentos e materiais de construção.

Na pesquisa, também são levantadas as informações a respeito dos salários de profissionais que atuam em estabelecimentos comerciais, industriais e sindicatos da construção civil, em todas as capitais.

Índice Sinapi

A tabela Sinapi ajuda na elaboração de orçamentos para construção civil (Foto: Pixabay)

Já a Caixa fica por conta da manutenção da base técnica de engenharia (especificação de insumos, composições de serviços e orçamentos de referência) e pelo processamento dos dados, que são atualizados mensalmente.

O Índice Sinapi traz informações como:

  • Custos de Projetos: Comerciais, Residenciais, Saneamento Básico, Equipamentos Comunitários, Emprego e Renda
  • Relatórios de Preços de Insumos e Custos de Serviços
  • Conjuntura: Evolução de Custo e Indicadores da Construção Civil
  • Consulta Pública – Composições Analíticas e a discriminação dos insumos e quantidades previstas por unidade de produção
  • Encargos Sociais

Dados importantes

Entre os dados mais importantes do Índice Sinapi estão os relatórios de Insumos e Composições, que trazem os preços segmentados por capital, abrangendo itens essenciais na elaboração de orçamentos para construção civil. Nos arquivos da tabela é possível encontrar os valores e também os encargos sociais.

No caso dos insumos, você pode consultar as informações referentes a cada um deles, como o código de cada tipo, a descrição, o preço, a localidade e a origem do preço, lembrando que os dados estão em constante atualização.

Já os arquivos das composições trazem os itens considerados essenciais para a realização de cada tipo de serviço na construção, além de detalhes como suas características e critérios para quantificar os serviços.

Vale destacar também os orçamentos de referência do Sinapi, feitos a partir de projetos hipotéticos, que possibilitam ver como a tabela Sinapi pode ser aplicada na prática.

Índice Sinapi

Os arquivos do Sinapi podem ser baixados gratuitamente no site da Caixa (Foto: Reprodução Caixa Econômica Federal)

Como usar o Índice Sinapi

Interessado em fazer orçamentos para obras com base no sistema? O primeiro passo para usar o Índice Sinapi é acessar o site oficial da ferramenta, www.caixa.gov.br.

Na página, estão disponíveis todos os arquivos do Sinapi, separados por categoria (Insumos, Orçamentos, Composições, etc). Basta escolher as informações que você precisa utilizar, definir o estado cujos preços serão usados como base e efetuar o download gratuito dos arquivos para o seu computador, para acessar os dados.

Passo a passo para utilizar

Como fazer orçamento usando a tabela Sinapi? Ela traz dados bastante importantes para quem está precisando fazer o cálculo do custo de mão de obra por estado, por exemplo, ou verificar o preço de um determinado serviço ou produto, entre outras informações que ajudam a definir o valor a ser cobrado.

Índice Sinapi

Confira o passo a passo para usar Índice Sinapi, a seguir:

  1. Acesse o site do Índice Sinapi.
  2. Role a página para baixo, até a parte intitulada “Preços e Custos de Referência”, e clique no estado desejado para realizar a pesquisa.
  3. Fazendo isso, você será direcionado para a página “Download de Arquivos” e nela terá acesso aos arquivos do Sinapi. Repare que há duas opções de tabela para cada mês, sendo uma não desonerada e outra desonerada (a diferença entre elas está na questão dos impostos). A escolha de qual tabela usar geralmente é feita pelo contratante dos serviços.
  4. Agora, clique na tabela referente ao mês desejado, para baixar os arquivos, lembrando de escolher o arquivo mais recente (no momento em que consultamos o site, o arquivo mais novo era o de dezembro de 2017).
  5. Após fazer o download, abra a pasta em que os arquivos foram salvos e clique nas tabelas baixadas, para ter acesso aos valores dos produtos e serviços pesquisados. É importante ressaltar que para visualizar os dados, você deve utilizar um programa de planilhas eletrônicas, como o Microsoft Excel ou o LibreOffice Calc.

Add Comment