Rodapé de Gesso vale a pena? Confira os benefícios

Usar rodapé de gesso vale a pena? Quais os benefícios esse material oferece? Quais cuidados devo ter para aumentar a durabilidade dele? Se você busca respostas para essas dúvidas, não deixe de ler o post a seguir, que traz muitas informações sobre o rodapé feito de gesso. Confira!

Rodapé de Gesso
Rodapé de Gesso vale a pena? Confira os benefícios (Foto: Reprodução internet)

Os rodapés têm uma função muito importante, que é a de proteger a base da parede de diferentes problemas, como a ação da umidade, a sujeira e o choque de pés e objetos como vassouras, rodos, aspirador de pó, etc. Além disso, ele também pode funcionar como um elemento decorativo do ambiente, proporcionando um belo efeito estético.

Existem vários tipos de rodapés, feitos de madeira, MDF, cerâmica, porcelanato e poliestireno, entre outros materiais, como o gesso, que tem sido cada vez mais utilizado nessa parte baixa da parede, trazendo uma série de benefícios.

Benefícios do rodapé de gesso

Feito através de uma mistura de sulfato de cálcio e água, o gesso é encontrado em abundância no Brasil, o que faz o seu preço cair. E é justamente essa uma das vantagens do rodapé de gesso, que custa menos que o tradicional rodapé de madeira e outras versões.

Além disso, como se trata de um material mais maleável, ele oferece inúmeras possibilidades de personalização do rodapé, combinando com os mais variados tipos de decoração, atendendo até mesmo aos mais exigentes proprietários de imóveis.

Rodapé de Gesso
O rodapé de gesso pode ser usado em praticamente toda a casa (Foto: Reprodução internet)

Entre os benefícios do rodapé de gesso, destaque também para a facilidade de adaptação a praticamente qualquer tipo de piso, desde os mais simples aos mais trabalhados, e para a facilidade em instalar um sistema de iluminação acoplado a ele.

Vale ressaltar ainda que a manutenção e a limpeza desse tipo de rodapé são bem simples e baratas.

Cuidados que você deve ter

Apesar das vantagens oferecidas, o uso de gesso no rodapé requer alguns cuidados por parte de quem habita o imóvel, pois esse material é relativamente frágil e apresenta grande sensibilidade à umidade.

Sabendo disso, você deve pensar bem antes de utilizá-lo em locais de grande circulação de pessoas, pois isso aumenta as chances de o rodapé lascar ou quebrar, devido aos contatos bruscos constantes com os pés das pessoas.

Rodapé de Gesso
O gesso combina com os mais variados tipos de pisos e projetos (Foto: Reprodução internet)

Já com relação à limpeza, evite, ao máximo, usar água sobre o material, inclusive panos umedecidos. É que por ser poroso, o gesso não resiste muito bem aos líquidos. Para prevenir o acúmulo de poeira e outras impurezas, use uma flanela, pincel ou espanador, semanalmente, para retirar o pó.

Caso o material esteja precisando de uma limpeza mais profunda, a dica é usar uma pequena quantidade de água sanitária para limpar o rodapé, sem danificar o reboco. Esse tipo de manutenção pode ser feita uma vez por ano, ajudando a manter a aparência natural do gesso por mais tempo.

Onde usar

De maneira geral, é possível usar rodapé de gesso em praticamente qualquer cômodo da casa, desde que se tenha uma atenção especial nas partes onde há maior circulação de pessoas, para evitar os choques com o material.

Rodapé de Gesso
Instalar um projeto de iluminação no gesso é mais fácil (Foto: Reprodução internet)

Nos locais com maior umidade, como no banheiro, também é preciso ter cautela, mas dá para usar sem maiores problemas. Nesse caso, basta cuidar melhor da limpeza do gesso, para evitar o surgimento de mofo.

Respondendo à pergunta inicial, vale a pena usar rodapé de gesso, pois se trata de um material barato, prático e valoriza a decoração.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *