Bordas de Piscina: Qual a melhor opção para escolher?

Aproveitar um dia de muito sol e calor à beira da piscina é um excelente programa para fazer junto com a família e os amigos. Mas para que a diversão aconteça com toda a segurança, é preciso tomar alguns cuidados com a área de lazer. Uma das partes que merece maior atenção são as bordas de piscina.

Bordas de Piscina

Bordas de Piscina: Qual a melhor opção para escolher? (Foto: Reprodução Decor Pedras)

Usada para entrar na água e também como um espaço para que as pessoas se sentem à beira dela, a borda dá acabamento ao revestimento da piscina e é uma área bastante importante, pois uma escolha errada de materiais e do tipo mais adequado pode resultar em alguns acidentes, além de atrapalhar a decoração da área de lazer.

Há muitas opções de estilos e materiais para a borda da piscina, sendo que uma escolha correta faz toda a diferença. Se você quer saber mais detalhes a respeito do tema, não deixe de conferir as informações e dicas que vamos passar a seguir!

Tipos de bordas de piscina

No mercado, é possível encontrar muitos tipos de bordas de piscina, que combinam com diferentes tamanhos e formatos, variando também conforme o local em que ela está instalada.

Os modelos de bordas de piscina mais comuns são:

Bordas de Piscina

Borda convencional (Foto: Reprodução Drenaltec)

  • Borda convencional

Ligeiramente inclinada, ela fica acima do nível da água e se destaca por combinar com praticamente todos os tipos de piscinas.

Bordas de Piscina

Borda elevada (Foto: Reprodução Ponto das Piscinas)

  • Borda elevada

Colocada acima do piso externo, ela cria um efeito bem diferente, deixando a piscina elevada, estilo muito comum em coberturas e terraços.

Bordas de Piscina

Borda praia – ou borda molhada (Foto: Reprodução Aquabase)

  • Borda praia

Perfeita para piscinas arredondadas, ela cria o efeito de praia na piscina, ou seja, a borda vai afundando suavemente à medida que você entra na piscina, assim como acontece no mar.

Bordas de Piscina

Borda infinita (Foto: Reprodução Pool Piscinas)

  • Borda infinita

Versão mais luxuosa, essa borda é chanfrada e dá a impressão de continuidade e integração com a paisagem ao redor. Construída no alto de prédios e com vista para o mar ou lagoa, ela cria um lindo e impressionante visual.

Melhores materiais

Além de definir o tipo, você também precisa dar toda a atenção à escolha do material para a borda da piscina. Ele deve ter, basicamente, duas características imprescindíveis: não esquentar demais, pois ficará exposto ao sol a maior parte do dia; e ser antiderrapante, já que a região está quase sempre molhada.

Bordas de Piscina

Há vários materiais disponíveis (Foto: Reprodução Marmoraria Chapecó)

Existem vários materiais que combinam essas duas características e servem bem para usar no acabamento da borda, como mármore e granito, que são duráveis, resistentes, de fácil manutenção e ainda conferem muita elegância à piscina.

Outros tipos de pedras também são ótimos para usar nessa área, entre as quais as pedras São Tomé e Mineira, sempre muito requisitadas, assim como os revestimentos com cimentícios atérmicos, específicos para áreas externas e resistentes às manchas.

Bordas de Piscina

A madeira é uma boa opção (Foto: Reprodução Pinterest)

E não podemos nos esquecer da madeira (exige maior manutenção e aplicação de verniz protetor) e do porcelanato (dê preferência para as versões específicas para esse tipo de aplicação).

Como escolher

Agora que você já conhece alguns dos principais tipos de bordas de piscina, escolha a melhor opção para o seu caso de acordo com o modelo da sua piscina e as suas necessidades e preferências.

Bordas de Piscina

A borda deve ser antiderrapante e não pode esquentar demais (Foto: Reprodução Romanó Pedras)

Leve em conta também o orçamento disponível e priorize os modelos e materiais que trazem mais conforto e segurança para quem usa a piscina no dia a dia.

Add Comment