Tipos de Estacas para Fundação: Como fazer

Os tipos de estacas de fundação escolhidos são essenciais para que você tenha sucesso com a sua obra. Isso porque são essas estacas que dão segurança à estrutura, deixando tudo mais firme e impedindo que a sua construção tenha danos a curto, médio e longo prazo na obra.

Tipos de Estacas para Fundação: Como fazer (Foto: Divulgação)

Tipos de Estacas para Fundação: Como fazer

Entenda como escolher os tipos de estacas para fundação: Para que as estacas tragam essa total segurança é necessário que elas sejam colocadas de uma forma que fique profunda, sendo bem executadas. A sua colocação deve ser feita sempre através de equipamentos e ferramentas, sendo que elas podem ser cravadas ou perfuradas no solo.

Tipos de Estacas para Fundação são essenciais para você ter uma obra segura (Foto: divulgação)

Material usado para fazer as estacas para fundação

Entre as suas características principais caracterizadas está o grande comprimento e as chamadas seções transversais, que são pequenas. O material usado para fazer as estacas pode ser a madeira, o concreto pré- moldado, o aço, o concreto moldado in situ ou até mesmo mistos.

Tipos de estacas para a fundação: vantagens e desvantagens

Como já mencionamos acima, as estacas usadas para a realização da fundação da sua obra são: madeira,aço, concreto ou mista. As estacas também são divididas em categoria: pré-moldadas, moldadas in loco e mistas.

Entenda quais são as vantagens e as desvantagens de cada tipo de estaca pré-moldada:

– Estacas pré moldadas

Estacas para a fundação de madeira: Essas estacas são usada sob o nível da água. A parte superior da estaca de madeira precisa ter um diâmetro considerado maior do que 25 cm e precisa ser protegidos para que não sofra nenhum tipo de dano no processo em que ela é colocada no solo.

A parte da ponta dessa estaca de madeira precisa ter um diâmetro considerado bem maior do que os 15 cm e precisa ser protegido com as chamadas “ponteiras de aço” se o construtor julgar que isso seja de fato necessário para ajudar a entrar nas muitas camadas duras que o solo possui.  A colocação das estacas de fundação de uma obra é normalmente realizada usando um martelo de queda livre.

Vantagens da estaca de fundação de madeira: As estacas de fundação de madeira consegue trazer ao construtor a facilidade de serem emendadas com facilidade. Além disso, esse tipo de estaca costuma ter uma alta durabilidade se foram usadas abaixo do nível da água.

Desvantagens da estaca de fundação de madeira: As estacas de fundação de madeira não são encontradas com facilidade e se colocadas acima do nível da água são atacadas por micro-organismos, comprometendo assim a sua durabilidade e qualidade.

Opte pelo material correto para a sua obra (Foto: Divulgação)

Estacas metálicas

Estacas para fundação de aço: As estacadas para fundação de aço são formadas pelos perfis laminados ou soldados, tubos de chapas dobradas (formato circular, quadrada ou retangular) e trilhos. Muitos optam pelas estacas de aço porque elas geralmente são bem resistentes ao processo de corrosão que naturalmente acontece com as ações do clima.

Vantagens das estacas de fundação matálica: As estacas de fundação de compostas por metais são com facilidade emendada e possuem uma elevada resistência à tração e compressão. Outro ponto bem positivo desse material é que as estacas não fissuram, não tem problemas com trincas e não são quebradas com facilidade, além de possui pouca vibração no momento de ser colocada no solo.

Desvantagens das estacas de fundação metálica: Um dos maiores problemas dessas estacas são o alto custo se comparada as estacas mais populares, que são as pré-moldadas.

– Estacas de pré-moldada de concreto

Estacas de fundação pré-moldadas de concreto: As estacas pré-moldadas de concreto protendido, armado ou concretadas (horizontal ou vertical) são bem populares aqui no Brasil.

Vantagens das estacas pré-moldadas de concreto: As estacas pré moldadas de concreto possuem uma excelente capacidade de suportar peso, além de ser resistente a esforços de cisalhamento. Esse produto é facilmente fabricado em fábricas e se forem apropriadas podem ser uma boa pedida.

Desvantagens estacas pré-moldadas de concreto: Essas estacas são difíceis de emendar, são pesadas e tem uma dificuldade de transporte justamente por causa do seu peso.

Estacas de fundação mega: Essas estacas de fundação trata-se de um elemento de concreto pré-moldado que são colocados no solo da obra por meio de um processo de prensagem, que funciona através do uso de um macaco hidráulico.

Geralmente essa estrutura é utilizada como um reforço na fundação ou ainda é usada como uma substituta das fundações que já são encontradas na estrutura original da obra.

Vantagens das estacas de fundação pré-moldada mega: As estacas de fundação pré-moldada são recomendas para você recuperar problemas na obra sem fazer a utilização de demolição.

Desvantagens das estacas de fundação pré-moldada mega: Esse material demora a ser colocado no solo e tem um alto custo.

Sempre consulte um profissional do segmento para ter mais informações sobre a melhor estaca de fundação para o seu projeto (Foto: Divulgação)

– Estacas de concreto moldadas in loco

Estacas de fundação de concreto moldadas no local da obra: Essas estacas são feitas no lugar aonde serão colocadas na fundação da obra.

Vantagens das estacas de fundação concreto moldadas in loco: Suporta grandes pesos e tem um valor melhor que as demais.

Desvantagens das estacas de fundação concreto moldadas in loco: nem sempre pode ser feita no terreno escolhido, pois fatores topográficos podem prejudicar o seu uso.

Agora que você já conhece como funciona as estacas de fundação basta escolher a melhor para o seu projeto. Sempre consulte um mestre de obras ou um engenheiro civil.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *